Close

Comprar um British Shorthair

Antes de comprar um British Shorthair conosco, é importante conhecer algumas informações importantes a respeito do nosso gatil, saber ainda sobre o método de nossa criação e a origem de nossas matrizes.

Sobre o gatil:

Ao comprar qualquer animal de raça, é importante saber a quais instituições o criador está filiado, assim você pode obter maiores informações sobre sua reputação e procedência de suas matrizes. Nosso gatil é filiado ao Clube Brasileiro do Gato (CBG), a Federação Felina Brasileira (FFB), e a Federação Internacional Felina (FIFE). 

Como criamos nossos gatinhos:

Nosso programa de criação tem por propósito a preservação da espécie, e seu melhoramento genético.

Como somos um pequeno gatil, nossos gatinhos fazem parte da família, vivendo conosco em casa. Desde o nascimento, damos muita atenção, carinho e amor, o que permite cada vez mais, obter animais de expressão doce e temperamento gentil.

Os filhotes deixam o gatil com 16 semanas de idade, e seguem desparasitados, vacinados e castrados. Com pedigree e carteira de vacinação. Eles são ainda treinados a usar a caixa de areia e arranhadores.

Apenas vendemos os gatinhos castrados, e não abrimos mão dessa condição. Realizamos um trabalho duro de melhoramento genético, e a preservação disso é vital para o nosso gatil. Sem falar dos benefícios que a castração traz para a saúde do animal.

Nossas Matrizes:

Antes de oferecer nossos filhotes a você, um longo caminho foi percorrido até aqui. O British Shorthair é uma raça ainda com poucos criadores no Brasil, e para criar profissionalmente qualquer animal, as matrizes precisam ser de excelente qualidade.

Foram muitos meses de intenso contato, frustrações e alegrias. Mas trouxemos ao Brasil o que de melhor a Europa poderia oferecer. Não poupamos esforços para ter no nosso plantel, gatos com pedigrees fortes e de criadores reconhecidos lá fora. Criamos somente gatos que são negativos para doenças genéticas e virais, além de visitarem regularmente o veterinário para atestar sua saúde.

Informações sobre cuidados com seu British Shorthair

Como preparar a casa para a chegada do seu British Shorthair:

Entendemos a expectativa e ansiedade em torno da chegada do seu British Shorthair. Mas, somente confiaremos o filhote ao novo lar, após a verificação de alguns itens que consideramos importantíssimos. É preciso que o tutor realize alguns cuidados prévios e saiba como preparar a casa para a chegada do novo gatinho.

Um dos mais importantes pontos sobre segurança, é a instalação de telas nas janelas. Muitos ignoram a importância de um lar “telado“. Mas, a rede de proteção é FUNDAMENTAL. Gatinhos, mesmo que castrados, podem fugir e a tela impede que isso ocorra. A criação indoor (ou seja, aquela sem acesso às ruas) protege a saúde e aumenta a expectativa de vida do seu animal.

Algumas plantas que cultivamos em casa, podem parecer inofensivas. Mas existem espécies que, quando ingeridas, se tornam tóxicas pro seu British Shorthair. Então, é importante remover plantas potencialmente perigosas.

Listamos as mais conhecidas aqui no Brasil:

Copo-de-leite, antúrio, espada-de-São-Jorge, violeta, cyclamen, lírio, bico-de-papagaio, azaleia, dracaena, comigo-ninguém-pode, tulipa, philodendron, hortênsia, dama-da-noite, aspargo-samambaia.

Antes que seu British Shorthair chegue a sua casa, é importante dedicar algum tempo, e decidir onde ficará a caixinha de areia dele. Gatos são animais que gostam de privacidade enquanto fazem suas necessidades, escolha um cômodo reservado e tranquilo, para que ele se sinta à vontade na hora de usar a caixa de areia. Se for possível, ofereça uma segunda caixa de areia em outro ponto da casa. 
Importante saber: A caixa de areia precisa ficar longe do potes de ração e água.

Você vai querer que seu gatinho utilize brinquedos seguros. Concentre-se em itens que não apresentem qualquer tipo de risco de sufocamento. Muitos brinquedos de gatos costumam conter a observação de “somente com supervisão”. Isso inclui coisas como cordas, penas, sinos e similares.

Amarre os fios elétricos soltos, e tampe as tomadas, para proteger seu British Shorthair de risco de choque elétrico.

Garanta que objetos pesados ou grandes não fique ao alcance deles.

Sempre estamos disponíveis para tratar de assuntos relacionados a adaptação e principais cuidados com seu British Shorthair, qualquer dúvida escreva pra gente.

Open chat