Logo British Village - Gatil British Shorthair

Princípios Básicos Sobre Genética

novembro 4, 2022

Neste Artigo Trataremos Sobre as Definições Básicas de Genética Para o Melhor Entendimento do Conteúdo Postado Aqui. Confira Todas as Terminologias.

Antes de tudo, é essencial que você compreenda os termos relacionados e suas definições. Isso lhe proporcionará uma melhor compreensão e clareza sobre os detalhes envolvidos.

Neste artigo trataremos sobre as definições básicas de genética para o melhor entendimento do conteúdo postado frequentemente aqui.

Nós, do Gatil British Village, que criamos gatinhos da raça british sorthair, acreditamos que o empenho em pesquisar, e o compartilhamento dele, faz parte da rotina de criadores responsáveis.

Confira a lista abaixo, com seus respectivos significados:

  1. Cromossomos: são estruturas compostas de DNA que, por sua vez, carregam os genes;

  2. Cromossomos homólogos: são igualmente similares em tamanho e carregam a mesma informação genética;

  3. Gene: é o segmento de uma molécula de DNA responsável por transmitir as características dos pais. Podemos dizer que é a unidade fundamental da hereditariedade. Basicamente o gene tem a capacidade armazenar e transmitir informações;

  4. Locus ou Loco Gênico: é a localização do gene em determinado cromossomo;

  5. Genes alelos: são aqueles em um mesmo locus gênico em cromossomos homólogos, onde eles poderão ser dominantes ou recessivo;

  6. Dominância: é um caráter que sempre irá se manifestar e impedir a manifestação do outro alelo. Da mesma forma, é sempre representado por letra maiúscula, homozigoto (AA) ou heterozigoto (Aa);

  7. Recessividade: é um caráter que não se manifestará na presença de seu alelo. É sempre representado por letra minúscula, homozigoto (aa);

  8. Genótipo: é a constituição genética de um indivíduo e que inclui todos os genes alelos presentes nos cromossomos. Dessa forma as informações herdadas dos nossos pais e não mudam como passar do tempo;

  9. Fenótipo: é a expressão do genótipo somado as influências ambientais. Compreende todas as características hereditárias de um indivíduo, sejam elas morfológicas, fisiológicas ou até comportamentais. Em conclusão, fenótipo é tudo aquilo que é manifestado;

A genética é uma ciência que estuda a hereditariedade e a transmissão de características de uma geração para outra. No caso dos gatos, a genética desempenha um papel fundamental na determinação de sua aparência, comportamento e saúde.

Os gatos herdam características de seus pais por meio de seus genes, que são unidades de informação genética presentes nos cromossomos. Cada gene é responsável por uma característica específica, como cor da pelagem, formato dos olhos ou predisposição a certas doenças.

Existem dois tipos de genes: dominantes e recessivos. Os genes dominantes são aqueles que se manifestam quando presentes em apenas um dos cromossomos do par. Por exemplo, se um gato possui um gene dominante para a cor da pelagem preta, ele será preto, independentemente do outro gene presente no par.

Por outro lado, os genes recessivos só se manifestam quando presentes em ambos os cromossomos do par. Se um gato herdar dois genes recessivos para a cor da pelagem branca, por exemplo, ele será branco.

Além dos genes dominantes e recessivos, existem também os genes codominantes, que resultam em características intermediárias quando presentes em ambos os cromossomos do par. Um exemplo disso é o gene para a cor da pelagem cinza, que, quando presente em um único cromossomo, resulta em um gato de pelagem cinza, mas quando presente em ambos os cromossomos, resulta em um gato de pelagem azul.

A genética dos gatos é complexa e envolve a interação de vários genes para determinar as características individuais de cada gato. Além disso, fatores ambientais também podem influenciar a expressão dos genes.

É importante ressaltar que a genética não é apenas sobre a aparência dos gatos, mas também sobre sua saúde. Algumas raças de gatos têm predisposição a certas doenças genéticas, e é essencial que os criadores realizem testes genéticos para garantir a saúde e o bem-estar dos animais.

Em resumo, a genética nos gatos desempenha um papel fundamental na determinação de suas características físicas e de saúde. Compreender os princípios básicos da genética felina pode ajudar os criadores e tutores a tomar decisões informadas e promover a saúde e a diversidade genética desses adoráveis animais de estimação.

Rua Zuca Accioly, 1101 - Manoel Dias Branco - Fortaleza - Ceará // [email protected]
tropicatslogo
wcf-world-cat-federation-logo-E2766B496C-seeklogo.com_
nd_prime-150x150
© 2023 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS​